Novagen News

XIII SIMPROPIRA

CLIQUE AQUI E INSCREVA-SE!

DINÂMICA DE PRODUÇÃO EM PEQUENOS RUMINANTES 

 

Profª. Organizadora: Profa. Dra. Anneliese Traldi

Organizadoras: Paula Cristina e Miriam Zibordi

Investimento: R$330 Estudantes e R$390 Profissionais

 

O curso teórico-prático de pequenos ruminantes tem como objetivo trazer aos produtores e profissionais da área conhecimentos técnicos sobre a avaliação e o manejo do rebanho, ao abordar temas como a escolha de matrizes e reprodutores, índices de produtividade, estratégias de manejo, avaliação de desempenho reprodutivo e controle de pastagens. O curso contará com módulos práticos onde os participantes poderão lidar diretamente com os animais para aprender sobre avaliação zootécnica, apara corretiva de cascos e diagnóstico de verminoses, além de acompanhar a avaliação reprodutiva por ultrassom e a demonstração de laparoscopia.

SÁBADO (12/03)

MANHà(8:00 até 12:00)

MÓDULO TEÓRICODo pasto ao feto – produção harmônica de leite e carne, e lucros ao produtor

  • Índices de produtividade – gerenciamento de rebanho ovino- Camila Raineri
  • Manejo nutricional de ovelhas e cordeiros – Sarita Gallo
  • Produção de leite e derivados em ovinos- Fernanda Ferreira
  • Produção e comércio de carne ovina- Walter CelaniV Jr – VPJ

TARDE (14:00 até 18:00)

MÓDULO PRÁTICOComo não errar no manejo diário do rebanho

  • Avaliação zootécnica de caprinos: quais os requisitos de uma cabra leiteira? – Anneliese Traldi
  • Avaliação zootécnica de ovinos: por que e como realizar a campo – Camila Raineri
  • Casqueamento: existem diferenças entre caprinos e ovinos? Como corrigir defeitos? – Vanessa Storillo
  • Avaliação sanitária do rebanho – Como associar o Famacha com a OPG? – Daniela Birgel e Priscilla dos Santos Silva
  • Como prevenir e/ou controlar a verminose nas pastagens? – Sarita Gallo

DOMINGO (13/03)

MANHà(9:00 até 12:00)

MÓDULO PRÁTICO : Modelos de produção

  • Austrália – Pedro Nacib Jorge Neto (Novagen)
  • Brasil – Heloísa Collins ( Capril do Bosque)
  • Degustação & Encerramento – Heloisa Collins ( Capril do Bosque)

TARDE (14:00 até 16:00)

MÓDULO ADICIONALPara que e por que usar biotecnologias no rebanho

  • Demonstrações de IA, TE e LOPU por laparoscopia- Letícia Alecho Requena (Novagen)
  • Demonstração de US para gerenciamento reprodutivo do rebanho- Anneliese Traldi

PALESTRAS : 50minutos + 10minutos (perguntas) – 1 hora

LOCAL:

Módulos práticos: Setor de pequenos ruminantes do Campus

Módulo teórico: sala de aula da FZEA

Módulo adicional: LBOC (CBRA)- Lab de pequenos ruminantes Kiky

I Encontro IMV-Biodux de Biotecnologia do Sêmen

A Novagen Genética está participando, nos dias 01 e 02 de fevereiro de 2016, o I Encontro IMV-Biodux de Biotecnologia do Sêmen.

 

Trata-se de um importante evento que trás atualizações para os profissionais responsáveis pela produção de sêmen bovino nas principais centrais do Brasil.

 

As palestras serão ministradas por profissionais de renome. Saiba abaixo a programação!

ATUAÇÃO GLOBAL DA INSEMINAÇÃO ARTIFICIAL - OLIVIER COUTURE
ULTRASSONOGRAFIA COMO FERRAMENTA DE CONTROLE E DESCARTE DE TOUROS EM CENTRAIS DE IA - DECUADRO-HANSEN GUSTAVE
EVOLUÇÃO DAS TÉCNICAS DE ANÁLISES ESPERMÁTICAS: LIMITES E DESAFIOS - RUBENS PAES ARRUDA
INSEMINAÇÃO ARTIFICIAL: DESAFIOS E OPORTUNIDADES - DECUADRO-HANSEN GUSTAVE
EVOLUÇÃO DAS TÉCNICAS DE ANÁLISES ESPERMÁTICAS: COMO A CITOMETRIA DE FLUXO E O CASA PODEM CONTRIBUIR COM A FERTILIDADE NO CAMPO - RUBENS PAES ARRUDA
EMBRIÃO FIV DIRECT TRANSFER - UMA FERRAMENTA INOVADORA - JULIANE BAYÃO CARELLI
NOVOS PRODUTOS E PROJETOS IMV - OLIVIER COUTURE
PRODUÇÃO E EXAMES DE SÊMEN BOVINO E GESTÃO DE PRODUÇÃO DE SÊMEN DE TOUROS PROBLEMA NAS CENTRAIS - DECUADRO-HANSEN GUSTAVE

 

A Novagen agradece às empresas Biodux Laboratórios e IMV Technologies pelo evento inédito de de grande importancia para a pecuária brasileira!

Visite o site de ambas as empresas:

Biodux Laboratórios - www.biodux.com.br

IMV Technologies - www.imv-technologies.com

CervodoPantanal

Crédito da foto: Gabriella Ferreira de Souza

 

A Novagen participou da primeira transferência de embriões em cervo do pantanal de vida livre, em apoio ao NUPPECE - Núcleo de Pesquisa e Conservação de Cervídeos, da UNESP de Jaboticabal, coordenado pelo Prof. José Maurício Barbanti Duarti.

O procedimento foi realizado pela Médica Veterinária Letícia Aleicho Requena, da Novagen Genética.

Trata-se da primeira tentativa de implantar embrião em fêmea de vida livre da espécie Blastocerus dichotomus, ameaçada de extinção.

O procedimento foi gravado pelo programa Terra da Gente, da EPTV-Globo.

 

 

 

bufalo

O Brasil firmou mais um acordo para exportação de material genético. Desta vez, sêmen bubalino poderá seguir para a Costa Rica, graças ao acordo firmado entre o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) e o Serviço Nacional de Saúde Animal (Senasa), do Ministerio de Agricultura y Ganaderia, da Costa Rica. O documento garante o cumprimento das condições sanitárias exigidas para o trânsito internacional do material genético de búfalos até o país de destino. (Fonte CNA)

 

O acordo selado entre o Brasil e a Costa Rica, país interessado na genética bovídea brasileira, vai contribuir com a melhoria do rebanho costa-riquenho, considerando que seu rebanho bovino é de 1,2 milhão de cabeças, sendo 42% para produção de carne, 33% para produção de leite e os demais 25% do rebanho com dupla aptidão, além de 4.380 cabeças de bubalinos, segundo Censo Agropecuário da Costa Rica publicado em 2014. (Fonte CNA)

 

A NOVAGEN Genética está habilitada a produzir e exportar sêmen de búfalos para Costa Rica. Em janeiro, touros selecionados iniciarão quarentena para produção de sêmen que será exportado a Costa Rica.

 

O protocolo é resultado de contatos iniciados no XI Encontro Brasileiro de Bubalinocultura, que contou com participação da Novagen Genética.

A famosa maca de IA/TE de ovinos e caprinos da Novagen, aclamada em todos os cursos realizados pela Novagen por profissionais, pesquisadores e professores, passará a ser oferecida ao mercado, com exclusividade, pela Biodux.

 

A maca de IA/TE Novagen é projetada para facilitar e agilizar o trabalho de inseminação artificial por laparoscopia e transferência de embriões em pequenos ruminantes.

 

Dotada com sistema de suspensões, facilita a ação de erguer o animal, minimizando o esforço físico da equipe de apoio. Conta também com sistema de corda e mordedores, que facilita e agiliza a imobilização dos membros posteriores dos animais, mantendo os mesmos bem presos de forma que não machuca o animal e assegura o profissional que está realizando o procedimento de IAL ou TE. Suas quatro rodas giratórias permitem total mobilidade da mesma. 

Durante a tarde desta terça-feira, 15 de setembro de 2015, o diretor executivo da Novagen Genética, Pedro Nacib Jorge Neto, recepcionou o Dr. Rafael Herrera Alvarez, pesquisador da APTA e o Prof. Nazario Pescador Salas, da Universidad Autónoma del Estado de México em visita à Novagen Genética.

Na ocasião, os pesquisadores conheceram as facilidades da Novagen, assim como os serviços oferecidos pela empresa ao mercado.

XXXV SETA

Ocorreu na última semana, no Colégio Técnico Agrícola "José Bonifácio", da Universidade Estadual Paulista (UNESP), Campus de Jaboticabal, a XXXV SETA - Semana de Estudos em Tecnologia Agropecuária.

Durante o evento, o Diretor Executivo da Novagen Genética e médico veterinário Pedro Nacib Jorge Neto, ministrou palestra sobre Transferência de Embriões e Fertilização In Vitro em Bovinos.

Novagen Genética estará presente, entre os dias 31 de agosto e 02 de setembro, na Expointer 2015, em Esteio-RS, representada pelo diretor executivo, o médico veterinário Pedro Nacib Jorge Neto.

A Expointer é reconhecida como um dos maiores eventos do mundo no gênero, sendo considerada a maior feira a céu aberto da América Latina.

Na ocasião do evento, Pedro Nacib irá reunir-se com representantes de associações de raças de bovinos, ovinos e búfalos, além de reuniões com veterinários e pecuaristas.

Acesse o site da Expointer 2015 clicando na imagem abaixo!

Expointer2015

dmpbs bioduxLançado durante o Congresso da SBTE 2015, o DMPBS da Biodux é produzido sob as mais rígidas regras farmacológicas, com altíssimo controle de qualidade. Produzido no moderno laboratório da Biodux, em Itapira-SP, passa por rígido controle de produção: Salas com pressão positivas e classificadas ISO 7, além de altíssima qualidade de água. Todos os lotes produzidos são esterilizados e, após, passam por período de quarentena. Após, são realizados análises para assegurar a qualidade. Toda partida possui bolsas retidas na Biodux, armazenadas como contra-prova de qualidade até um mês após vencidas.

Com produção de 800 litros por partida (é a empresa com maior capacidade de produção por partida), rígidos controles de qualidade, a Biodux possui estoque mínimo de duas mil bolsas de DMPBS, garantindo o fornecimento initerrupto durante todo o ano. Além disso, a impressão das informações é feita na própria bolsa, evitando adulterações ou confusões de rótulos.

A Novagen Genética possui alto rigor de seleção dos insumos utilizados na produção de embriões, tanto de FIV quanto de TE, e na produção de sêmen, assim como seleção de fornecedores. Com todos os requisitos exigidos pela Novagen atendidos, o DMPBS da Biodux passa a ser o único DMPBS a ser utilizado pela Novagen.

Segundo o diretor executivo da Novagen, o médico veterinário Pedro Nacib Jorge Neto, "a fábrica da Biodux é impressionante. Trata-se sem dúvidas, do melhor laboratório de produção de meios no Brasil. Possui rígidos controles, que dão enorme segurança ao consumidor. Com certeza o DMPBS da Biodux é o melhor disponível no mercado".

Conheça os produtos da Biodux em www.biodux.com.br

SimposioRacasNativas

O I Simpósio Internacional de Raças Nativas é uma realização da Superintendência Federal de Agricultura no Piauí (SFA-PI) e da Associação Brasileira de Criadores de Bovinos Curraleiro Pé-Duro (ABCPD), tendo como objetivo a atualização de técnicos, pesquisadores, criadores e estudantes sobre a preservação e o desenvolvimento das raças nativas, além da apresentação de trabalhos científicos sobre os citados temas.
 

Durante a ocasião, a Novagen Genética publica o trabalho Preliminary results in the application of advanced embryo transfer technologies for the genetics improvement of Morada Nova sheep (Resultados preliminares da aplicação de tecnologias avançadas de transferência de embriões para o melhoramento genético de ovelhas da raça Morada Nova), mostrando a preocupação da empresa com a preservação do material genético de raças nativas. Atualmente, a Novagen monta banco genético das raças ovinas cariri, crioula e morada nova, todas nativas e com populações pequenas no país.
 

Trata-se da primeira publicação no mundo sobre Fertilização In Vitro de ovinos da raça Morada Nova.
 

A Novagen Genética foi a única instituição privada a ter trabalho publicado no Simpósio. Segundo o diretor executivo da empresa, o médico veterinário Pedro Nacib Jorge Neto, "a publicação demonstra a preocupação da empresa na preservação do patrimônio genético de raças nativas brasileiras, que possuem história e importância na ovinocultura nacional, e poderão contribuir, no presente e futuro, com a atividade no país". 
 

O trabalho publicado é de autoria dos veterinários Letícia Alecho Requena, Juliane Bayão Carelli e Pedro Nacib Jorge Neto, todos da Novagen Genética, em colaboração com os pesquisadores Hernan Baldassarre (McGill University, Montreal, Quebec, Canada) e Ney Romulo de Oliveira Paula (Universidade Federal do Piauí, Teresina, PI).
 

ACESSE O TRABALHO COMPLETO

ACESSE O SITE DO I SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE RAÇAS NATIVAS

Agenda de Cursos

Nenhum evento para exibir!
Go to top